Frente a Frente Comigo no Espelho


Hoje ao chegar de mais uma saída dessas da vida, lavei meu rosto e sem ver lavei de mim mesmo, me despi de uma segunda imagem, tirei toda alegria que a em mim quando estou na multidão e me vesti de mim mesmo, senti como obrigação de me reconhecer, senti o desejo de dizer que essa mascara já ta ficando pesada demais pra carrega - la, tenho que provar todos os dias, a todos minha felicidade, meu sorriso largo, minhas conquistas e meu temperamento de ser humano ideal, ( sabe aqueles que parece que nunca erra). Pois é, mas na boa tem uma hora que cansa de viver uma dupla personalidade, você quer viver você mesmo, com seus pecados, suas dores, seus medos e seus segredos, chega uma hora que da vontade de fazer loucuras, de ser liberto, vocacionado a fazer uma alto libertação de um sequestro diário onde o sequestrador de você é você mesmo, onde se coloca num cativeiro de suas duvidas, questionamentos, e pede um alto preço pra se libertar, Chega uma hora que mostrar o quanto você é a pessoa "perfeita" a que eles querem ver,cansa ,aaah e como cansa, vai enfadando sabe, a alma sente,a mente sente,o nosso ser inteiro sente, e pra ser sincero dói um pouco, e quando estou sozinho frente a frente comigo parado no espelho, eu sei quem eu realmente sou,e isso ninguém altera, ninguém muda. Nem você, que lê este texto, teria poder pra algo assim, como dizia um sábio autor, as pessoas criam uma historia sobre mim, baseado naquilo que elas pensam, eu mudo a historia baseado naquilo que realmente sou.
Por: Vitor Reis

Nenhum comentário:

Postar um comentário

- Os coments são moderados para eu responder todos.

- Sua opinião, sugestão, dica e alerta são bem-vindos!